sexta-feira, 16 de setembro de 2011

Espelho


Saudação

      Olá meus caros leitores! Tenho me ausentado bastante nesses tempos. Sinto em lhes dizer que estou com tempo reduzido por certos fatores, mas sempre que posso eu escrevo. Venho deixar mais uma obra em suas mãos e espero que apreciem.
Espelho
De coisas que posso contar
A última é que sou um espelho
Muitos querem me estilhaçar
Mas nada mortal reflito, porque não sou espelho

Sou carne prateada
Sou cortiço para ideias más
Sou o partido que se parte numa partida
Sou reflexo de antigas despedidas

Deixe-me esperando no canto
Diga-me que irá voltar
Force-me lágrimas de um rio que seco está
Iluda-me com palavras
Sacie meu infinito desejo

Repita para o universo inteiro
Eu sou um espelho!
Mas a verdade é que sou apenas um reflexo
Sei apenas refletir desejos
Posso mostrar apenas aquilo que vejo

Mesmo que me mostres o reflexo da reflexão
O repetiria infinitamente
Só não posso refletir a solidão
Pois só vive no coração de quem sente
Mas infelizmente serei para todo sempre
Apenas um reflexo descrente.


Encerramento

      A saudade tem se tornado muito mais além que uma simples palavra ou emoção. Torna-se uma necessidade de escolhas tomadas por vidas que com certeza teriam o mesmo fim, mas todos somos humanos repletos de sentimentos e um dia temos que admitir, que quanto mais perto um alguém se aproxima, mais dificilmente seu coração se desapega. Com essas poucas palavras me despeço. Good Night !
Reações:

0 comentários:

Postar um comentário

Quem você é debaixo dessas cicatrizes?

 
Design by Free WordPress Themes | Bloggerized by Lasantha - Premium Blogger Themes | Online Project management